quarta-feira, 11 de maio de 2011

Sobre viver

Viver é uma noite de insônia
com fantasmas no quintal.
Algoz que tortura aos risos.
Cavalos sem dono correndo na praia.

Cem garrafas de vodka em cinquenta dias.
Cobras comendo maçãs.
Herói que se suicida.
Mil auroras por minuto.

Devorar o próprio coração.
Sentir o gosto do câncer.
A voz de Deus ecoando ao longe.
Um tiro na têmpora por dia
e o desejo desconhecido
de prosseguir.

Flávio Soares

11 comentários:

Levi Branco disse...

belas considerações sobre a vida. muito bom!

Mi disse...

Muito bom, traduziu muito bem o que é viver.

Fabrício Santiago disse...

Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Fabrício e cheguei até vc através do Blog Machado de Carlos. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir meu blog Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. Estou me aprimorando, e com os comentários sinceros posso me nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs

Narroterapia:

Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.

Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.

Abraços

http://narroterapia.blogspot.com/

AC Rangel disse...

E o que é a vida se não um eterno "prosseguir"? Ou fazer como Antonio...explodir.
Bom ver algo de novo pela net. Gostei muito. Faz a gente sentir novamente aquele gosto amargo na boca, aquela sensação de arrepio.
Parabéns, Flávio.

Rafael de Sá Guimarães disse...

Olha só...
Show de texto!

Catia Bosso disse...

Ei, um colega de Mauá... Pertinho! Grata por chamar meus textos, poemas e poesias, de coisas de qualidade... Vim conhecer seu espaço e vou aguardar as atualizações sempre... adoro!

bj

Catia

Gustavo Paes disse...

compraria seu livro...

Vinicius.C disse...

Muito forte!!

Gosto de sentir o amargo, isso me faz decidir o meu paladar!

Um ótimo fim de tarde!

Espero por vc no Alma!

José Carlos Brandão disse...

Viver é perigoso, dizia Guimarães Rosa. Viver é doloroso, é mistério, é maravilhoso, é chato, é divertido... Viva a vida!

Thiago Almeida disse...

"Um tiro na têmpora por dia".

Meu desejo diário

- MƋFƋLDƋ FERNƋNDES ♥ disse...

Gostei muito , irei seguir o blogue :)